Objetivos

O principal objetivo do projeto LEAVES é desenvolver um programa de autoajuda online, EuLuto, que apoia as pessoas idosas que perderam o seu cônjuge, no seu processo de luto. Isso inclui apoiar a aceitação da perda e, a reconstrução e adaptação à nova vida sem o parceiro, dois aspectos chave no processo de luto. Especificamente, EuLuto tem como objetivo fornecer aos adultos mais velhos experiências de aprendizagem e informações sobre tópicos como reações comuns ao luto e o luto prolongado, assim como avaliar a situação atual das pessoas em luto. Alguns capítulos irão ajudar a pessoa em luto a processar a experiência da perda, bem como a dor e o pesar. No entanto, o foco deste programa é a exploração de novas maneiras de cuidar de si mesmo e de fomentar sentimentos e pensamentos positivos. Em última análise, este programa ajudará as pessoas idosas a encontrar novos pontos fortes e novas maneiras de se sentirem mais alegres, confortáveis ​​e ativos. Noutras palavras, EuLuto irá ajudar aqueles que perderam o cônjugue a encontrar um novo significado e esperança para as suas vidas, bem como a se adaptarem à nova situação de vida.

logo.png
 

Visão geral do projeto

Na fase inicial do projeto, a equipa do LEAVES desenvolveu um modelo de serviço para o serviço online de EuLuto, que explica como as pessoas idosas poderão começar a usá-lo e quais serão as funções dos profissionais de saúde. Isto foi feito em conjunto com pessoas idosas, profissionais de saúde e cuidadores informais. Paralelamente, desenvolvemos o programa de autoajuda guiado por um agente virtual denominado SOL (entidade virtual conversacional abstrata). O SOL apoiará a navegação no programa de autoajuda, orientando os usuários desde leituras e exercícios até auto-reflexões e autoavaliação do humor dos usuários. Esta autoavaliação monitoriza a mudança de sentimentos difíceis e o progresso ao usar o EuLuto. Além disso, o programa lembrará os utilizadores quais as suas melhores estratégias para se sentirem melhor e, se necessário, os seus próprios canais para procurar mais apoio, como amigos próximos ou o seu médico de saúde geral e familiar. Na segunda fase do projeto, a tecnologia resultante será implementada na Holanda, Suíça e Portugal e a efetividade testada para o luto, solidão e sintomas depressivos. Muito importante também é se a pessoa idosa gosta ou não de usar o EuLuto, o porquê de gostarem e o que pode ser melhorado. Paralelamente, os parceiros do LEAVES desenvolverão meios para levar o serviço ao mercado. A estratégia será dependente do país, uma vez que o apoio ao luto e as estruturas de financiamento são diferentes. Ao mesmo tempo, os resultados científicos serão compartilhados com a comunidade científica e o público em geral. Poderá ver a página de Novidades para saber mais detalhes.

 

Resultados esperados e impacto

O projeto LEAVES espera ter um impacto positivo no bem-estar da pessoa idosa, por exemplo, a processar melhor o luto e diminuir a solidão e, assim, também evitando o luto prolongado. No final do projeto, pretendemos ter pelo menos três oportunidades de exploração, em que para cada país, um fornecedor do serviço (uma grande empresa ou organizações voltadas para a assistência psiquiátrica) esteja presente no consórcio. Ter um produto comercializável, ter o serviço EuLuto pronto até o final do projeto, e expandir e atualizar o programa de auto-ajuda nos anos seguintes com recurso a maior personalização são também objectivos do projeto LEAVES.

results.jpg